Março 2017 ~ Cláudia Forte

Cláudia Forte

Copiando e colando para não esquecer. Mas pode deixar que darei os devidos créditos!!!

Há uma história por trás de cada pessoa. Há uma razão pela qual elas são do jeito que são, então não julgue.

Tumblr

A amizade desenvolve a felicidade e reduz o sofrimento, duplicando a nossa alegria e dividindo a nossa dor.

Joseph Addison

Seu pior erro foi me ensinar a ficar sem você

Menina Má

“Mas nem sempre a fraqueza que se sente quer dizer que a gente não é forte.”

GABRIEL O PENSADORs

domingo, março 12, 2017

10 alimentos (deliciosos) que deveriam sair da sua vida!

ESTILO DE VIDA



1. Saborosos, mas...

(Thinkstock)

 Rapidez, praticidade e sabor, muito sabor. Esses são apenas alguns dos atributos de alimentos que estão na boca do povo, mas deveriam estar bem longe da mesa, por seu potencial altamente prejudicial à saúde. As comidas ricas em gorduras, sódio e açúcar dão um empurrãozinho em problemas como hipertensão, diabetes, obesidade, doenças cardíacas e renais, principalmente se forem consumidas com frequência. Em um mundo ideal, essas delícias deveriam ser cortadas de vez da rotina, mas, como ninguém é de ferro, o segredo para uma vida saudável sem sofrimento está na moderação. A nutricionista Cintia Azeredo, do Vita Check-UP Center, indica quais são esses alimentos nocivos. Confira nas imagens.

2. Refrigerantes

(Getty Images)

Eles podem ter quase a mesma quantidade de calorias que um copo de suco natural (ou até menos), mas o problema dos refrigerantes é o fato de não apresentarem nutrientes úteis para o corpo, o que os nutricionistas chamam de “calorias vazias”. Se a bebida for normal, a quantia de açúcar é considerável (21 gramas para cada 200 ml). No caso das bebidas “zero”, o problema está na maior quantidade de sódio da fórmula, que quase triplica, em relação à versão regular.

3. Macarrão instantâneo

(Alexey Aleshkin / Dreamstime)

Se comparado às massas tradicionais, o macarrão instantâneo pode até ser mais rápido de ser feito, mas a saúde tende a ficar de lado. Um pacote da versão de preparo mais rápido é rico em gordura e sódio, chegando a ultrapassar a quantidade recomendada por dia, deste último ingrediente.

4. Biscoitos recheados

(BOA FORMA)

Apesar de deliciosos, os biscoitos recheados representam a combinação nada recomendada de gordura e açúcar. Essa guloseima é tão perigosa que já foi alvo de pesquisa científica, que descobriu que seu potencial viciante é similar ao da cocaína. Por isso, os biscoitos sem recheio são os mais indicados, segundo a nutricionista.

5. Salgadinhos de milho

(Creative Commons)

Além de serem bastante calóricos e concentrarem quantidade considerável de gordura em uma porção de apenas 25 gramas, os salgadinhos industrializados feitos de milho possuem muito sódio. Se consumidas em excesso, essas guloseimas podem contribuir para problemas renais e hipertensão, entre outros problemas.

6. Alimentos embutidos

(Reiner Kraft/Wikimedia Commons)

Um tira-gosto tentador, porém nada saudável. Os alimentos embutidos, como salsichas e linguiças, são ruins para a saúde por incluírem em sua composição muita gordura, sódio e produtos químicos.

7. Sorvetes

(Divulgação)

Assim como os biscoitos recheados, os sorvetes são uma bomba de gordura e açúcar, além de não trazerem nutrientes úteis para o organismo. Para se refrescar, o melhor é consumir picolés de fruta, que são menos calóricos e podem apresentar vitaminas em sua composição.

8. Bacon

(Sheila Oliveira / Boa Forma)

Os “bacon maníacos” que nos perdoem, mas essa carne processada é altamente prejudicial à saúde (apesar de deliciosa). A quantidade de gordura saturada deste item colabora para o aumento do colesterol ruim no corpo e para a inflamação das artérias, podendo causar doenças cardiovasculares, em quem consome bacon de maneira excessiva. 

9. Batata frita

(McCain/Divulgação)

Aperitivo amado por muitos, a batata frita agrega um alto teor de gordura quando é submetida à alta temperatura do óleo. Na versão industrializada, o prejuízo à saúde é ainda maior, devido aos conservantes e ao sódio em excesso. Se não quiser abrir mão dela, uma forma mais saudável de preparar é usar o vegetal natural, cozinhá-lo e assar no forno.

10. Comida congelada

(ThinkStock)

Outra opção para os dias mais corridos, a comida congelada também faz parte da lista negra apontada pela especialista. Isso porque, segundo ela, muitos congelados costumam apresentar um índice alto de sódio, calorias, conservantes e produtos químicos. Se precisar comer algo cujo preparo seja mais rápido, talvez o melhor seja deixar comida caseira pronta no freezer, para os momentos de necessidade..

Só mais um toque..

Temperos industrializados


(Marcelo Zocchio / Vida Simples)Apesar de serem mais práticos, os temperos industrializados devem ser substituídos pelos preparados em casa, como ervas, alho, cebola e especiarias, que não possuem conservantes, aditivos químicos nem sódio em excesso, como os vendidos prontos. Segundo a nutricionista, há alguns temperos que chegam a ter, em uma porção, quase a mesma quantidade de sódio que é recomendada para a dieta de um dia.


Por Luciana Carvalho

http://exame.abril.com.br/estilo-de-vida/10-alimentos-deliciosos-que-deveriam-sair-da-sua-vida/
LEIA MAIS...

quarta-feira, março 08, 2017


LEIA MAIS...

Euzinha...


Cláudia Forte
"Quando a flor se sufocar na urze e no espinho, que sua mão seja a primeira a separar o joio, a arrancar a praga, a afagar a pétala, a acariciar a flor;"

Saúde Pública

Música


Meu Award

Cláudia Forte - colecionando informações

Que Horas São?


Postagens mais visitadas

Seguidores

Copyright © Cláudia Forte | Powered by Blogger
Design by Lizard Themes